‘Aulão’ de ritmos encerra campanha ‘Novembro Azul’ da prefeitura

29 de novembro de 2021


A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc) e da Subsecretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer (Semjel), realizou, na manhã deste domingo, 28/11, o encerramento da campanha “Novembro Azul”, com um grande “aulão” de ritmos no projeto Faixa Liberada, do complexo turístico Ponta Negra, na zona Oeste. A ação teve o intuito de conscientizar o público sobre a importância da saúde preventiva, em especial a masculina, e os exames relacionados ao câncer de próstata.


De acordo com a titular da Semasc, Jane Mara Moraes, a iniciativa de levar o evento para a orla de um dos principais cartões-postais de Manaus, a Ponta Negra, salienta a importância da população buscar uma melhor qualidade de vida.

“Hoje nós trouxemos o encerramento da campanha do Novembro Azul, neste espaço que as pessoas vêm para cuidar da saúde. Então, aqui tem tudo a ver com esse cuidado, essa prevenção contra o câncer de próstata. Estamos chamando os homens para se sensibilizar sobre esse problema de saúde, que acaba impactando todas as áreas da nossa sociedade. Temos buscado fortalecer isso, não apenas durante a campanha, mas que a sociedade assimile isso e o público masculino passe a cuidar da saúde e buscar qualidade de vida”, afirmou a secretária.


Jane Mara também destacou que em dezembro, a Prefeitura de Manaus irá lançar novas campanhas de conscientização. Uma delas será relacionada ao HIV.


“Toda vez que trazemos essa discussão para a sociedade, estamos realizando o trabalho pedagógico de conscientizar sobre o cuidado com a saúde e a valorização da pessoa, do ser humano”, salientou.


Para o subsecretário da Semjel, Platiny Soares, a transversalidade existente no projeto Faixa Liberada possibilita o contato com diversos públicos, colaborando para a conscientização da população manauense.


“Hoje o destaque é para a transversalidade do Faixa Liberada. Esse projeto tem como objetivo integrar todas as nossas atividades, opções de lazer e atividades esportivas, proporcionando à população novas opções de lazer. Aqui, podem vir de pessoas da terceira idade ao bebê, de atleta profissional ao amador. Aqui nós utilizamos os espaços públicos e transformamos em uma área de comunhão”, enfatizou Soares.


Espaços

Coordenador do projeto Faixa Liberada, João Paulo Janjão aproveitou para convidar a população a frequentar as diversas edições da atividade espalhadas pelas zonas de Manaus.


“O projeto Faixa Liberada acontece em vários pontos da cidade. É a prefeitura levando a possibilidade de uma atividade física, uma dança, uma arte marcial, para a população que não tem acesso. Inauguramos às terças-feiras, o Faixa do Viver Melhor, quarta-feira e domingo acontece aqui na Ponta Negra, e na quinta-feira temos o da avenida do Samba, no Dom Pedro I. Isso é só o início. A nossa expectativa é a de ampliar o projeto para mais lugares no ano que vem”, revelou João.


Frequentadora assídua do evento, a comerciante Gracilene Oliveira, 47 anos, afirmou que o projeto Faixa Liberada é um bom incentivo para as pessoas que gostam de realizar atividades físicas.


“O Faixa Liberada é muito importante porque é uma maneira de atrair as pessoas que estão em casa, no sofá deitadas, a levantarem e virem praticar uma atividade física. É um incentivo a mais, pois podemos aproveitar esse espaço em segurança. Vemos famílias, amigos, crianças, idosos, todos aqui, caminhando, correndo, pedalando. Isso é muito motivador”, concluiu.

— — —

Texto – Thiago Fernando / Semcom

Fotos – João Viana / Semcom

Disponíveis emhttps://flic.kr/s/aHsmXfZsZy

Fonte: https://www.manaus.am.gov.br/