Cetam levará cursos de Cuidador e de Robótica a Parintins

9 de maio de 2022


O município conta com mais de 116 mil habitantes e apresenta expressivo crescimento populacional

Brena Dianná com o diretor-presidente do Cetam,José Augusto de Melo Neto: qualificação profissional para oportunidades no mercado de trabalho parintinense


O município de Parintins (a 369 quilômetros de Manaus) vai oferecer, por meio do Centro de Educação Tecnológica do Estado do Amazonas (Cetam), cursos de qualificação profissional de Cuidador e de Robótica.


A solicitação ao órgão estadual foi feita pela vereadora do município, Brena Dianná (UB), em reunião ocorrida na última sexta-feira (6), com o diretor-presidente, José Augusto de Melo Neto, para apresentar demanda de qualificação da população parintinense.


O município, que conta com mais de 116 mil habitantes, apresenta expressivo crescimento populacional.

Diante disso, grupos que precisam de atenção especializada como idosos, crianças e Pessoas Com Deficiência (PCD) também têm aumentado.


Além disso, o curso de Cuidador proporcionaria qualificação para quem está fora do mercado de trabalho. Grande parte dos moradores de Parintins não tem ganho permanente e sobrevive com baixa renda.


Conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), de 2019, apenas 5,9% da população estava ocupada (tinha trabalho no período da pesquisa).


A demanda dos cursos de cuidadores foi apresentada pela vereadora na Câmara Municipal de Parintins, no mês de abril. “Em nossa cidade, identificamos muitas pessoas interessadas em curso de capacitação profissional de cuidador(a) para ter oportunidade de trabalho. Este segmento tende a crescer, exigindo cada vez mais profissionais qualificados”, afirmou Brena.


Robótica -

As constantes ameaças de retirada do diferencial competitivo tributário da Zona Franca de Manaus (ZFM) têm exigido que as empresas instaladas no Polo Industrial de Manaus (PIM) acelerem o processo de modernização para reduzir custos e produzir produtos com mais qualidade, ampliando as chances de venda para novos centros consumidores.


Para suprir esse déficit de profissionais qualificados para a indústria 4.0 e também para possibilitar ganhos por meio de trabalho executado a distância, a vereadora Brena Dianná solicitou do diretor-presidente do Cetam o oferecimento do curso de Robótica. “A gente está vivendo na era da informática, mas existe um abismo entre os jovens da capital e do interior. Solicitei o curso de Robótica porque ele abrirá os horizontes dos jovens que hoje estão sem objetivo na vida, que não vislumbram uma forma de ganhar seu dinheiro honestamente. Esse trabalho de programação pode ser feito, inclusive, fora das empresas.


Um morador de Parintins pode fazer o curso lá e depois de formado, continuar na cidade ganhando o seu dinheiro”, garante a vereadora.


Foto: Divulgação