Comitiva do Governo da Alemanha conhece Sistema de Meio Ambiente do Amazonas

22 de novembro de 2022

Uma comitiva formada por representantes do Governo da Alemanha esteve em visita às instalações do Sistema Estadual de Meio Ambiente do Amazonas, nesta segunda-feira (21/11), em Manaus. Na oportunidade, o grupo buscou conhecer os desafios e os projetos desenvolvidos pelo Governo do Amazonas com apoio alemão.

Fizeram parte da comitiva membros diretos da presidência da Alemanha, além de representantes do Ministério das Relações Exteriores e da Embaixada da Alemanha em Brasília. Segundo o secretário de Estado do Meio Ambiente, Eduardo Taveira, a visita é importante para estreitar laços de cooperação com o país.

“O Governo do Amazonas tem uma parceria de longa data com o Governo Alemão. Nós tivemos uma conversa muito boa com a comitiva alemã na COP do Egito e a gente espera que, para os próximos anos, esse relacionamento se estreite cada vez mais, para que os recursos sejam mais eficientes, para apoiar não só o monitoramento, comando e controle, mas acima de tudo novas matrizes produtivas”, pontuou.

A delegação visitou, primeiramente, a sede da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema), construída com recursos do Governo da Alemanha, por meio da Cooperação Financeira Oficial Alemanha-Brasil, para execução do Projeto de Prevenção e Combate ao Desmatamento e Conservação da Floresta Tropical do Estado do Amazonas (Profloram).

O projeto Profloram é o mesmo que, atualmente, remunera mais de 230 brigadistas florestais em 12 municípios, para auxiliar no combate às queimadas no interior do estado. Após visitar a sede da Sema, o grupo conheceu o Centro de Monitoramento Ambiental e Áreas Protegidas (CMAAP) do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam).

“É sempre importante receber uma delegação internacional, porque a gente divide a experiência do Estado com outros países e essa troca enriquece. Cria-se também uma expectativa de ampliação do apoio institucional e desenvolvimento de novas parcerias, como no caso da Alemanha, que já aportou muito recurso no Estado”, ressaltou o diretor-presidente do Ipaam, Juliano Valente.
“É muito importante que o Governo alemão venha conhecer o trabalho que o Governo do Amazonas está fazendo para combater as ilegalidades ambientais e, ao mesmo tempo, dar alternativas para redução da pobreza das nossas populações, em especial, do interior do Estado. O que destacamos com esse parceiro que tem financiado muitas das nossas agendas é que, além de investir em comando e controle, é preciso gerar uma economia pujante que mantenha nossos recursos naturais funcionando”, finalizou Taveira.