Desembargador aposentado Alcemir Figliuolo é homenageado com Medalha Ruy Araújo na Aleam

21 de março de 2022

O ex-presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas, desembargador aposentado Alcemir Pessoa Figliuolo, foi homenageado na quinta-feira (18) pela Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) com a "Medalha do Mérito Ruy Araújo", a principal honraria da Casa Legislativa outorgada em reconhecimento a personalidades que se destacam no meio político, jurídico ou cultural, e demais segmentos da sociedade amazonense.


A homenagem ao magistrado foi de iniciativa do deputado Angelus Figueira (DC), coautoria da deputada Therezinha Ruiz (PSDB) e assinada por unanimidade pelos parlamentares estaduais. A solenidade foi presidida pelo deputado Adjuto Afonso (PDT) e o TJAM foi representado pelo desembargador Lafayette Carneiro Vieira Júnior. Desembargadores e juízes do Tribunal também prestigiaram a cerimônia, assim como familiares do homenageado.


Em razão de um compromisso externo, o deputado Angelus Figueira não pôde comparecer à cerimônia, mas gravou um vídeo com uma mensagem ao homenageado, que foi exibido durante a outorga da medalha. “Hoje a Assembleia concede a Medalha Ruy Araújo a um amazonense que pautou sua vida de forma muito digna a servir. O desembargador Alcemir Pessoa Figliuolo, inicialmente em Manacapuru, onde constituiu família e, em todo o Amazonas, se firmou como exemplo para o Brasil. E é com muita honra que entregamos hoje a mais alta comenda do Legislativo a ele”, disse o parlamentar.


A deputada Therezinha Ruiz também expressou reconhecimento à trajetória de Figliuolo. “É com muita alegria, honra e lembrando muito da minha juventude que considero merecida essa homenagem. Minha mãe, que teve a oportunidade de trabalhar com o desembargador, sempre falou muito bem dele e contou casos históricos da passagem dele Tribunal de Justiça. O desembargador Figliuolo é um homem digno, muito respeitado como jurista, que escreveu uma bonita história na magistratura e tem nos deixado um legado de conhecimento e bons serviços prestados ao Estado”, externou a deputada.


Trajetória

O desembargador Lafayette Carneiro Vieira Júnior foi encarregado de apresentar um resumo da trajetória do desembargador Figliuolo, desde a chegada dos pais do homenageado, imigrantes italianos, à Amazônia, até o ingresso de Figliuolo magistratura e a trajetória no Judiciário Estadual.


Natural de Manaus e formado em Direito pela Universidade Federal do Amazonas em 1965, Alcemir Pessoa Figliuolo foi escrivão, promotor de justiça, professor, juiz - quando presidiu a Associação dos Magistrados do Amazonas (Amazon) – até ser promovido a desembargador, em 1982. Dez anos depois, assumiu a presidência do Tribunal de Justiça do Amazonas (1992/1994) e, em várias ocasiões, exerceu interinamente a governança do Estado.


“Sinto-me extremamente honrado por esta ocasião em minha vida, em que recebo a 'Medalha Ruy Araújo', comenda sublime desta Casa, concedida por iniciativa do deputado Angelus Figueira e coautoria da deputada Therezinha Ruiz, em reconhecimento aos serviços que prestei ao Judiciário amazonense, por mais de 40 anos", afirmou o desembargador Figliuolo ao agradecer a homenagem recebida do Parlamento Estadual.


#PraTodosVerem - A foto que ilutra a matéria mostra o momento em que o desembargador aposetando Alcemir Figliuolo (ao centro, segundo o diploma de outorga da honraria) recebe a Medalha Ruy Araújo, em solenidade realizada no plenário da Assembleia Legislativa do Amazonas.