Desembargadora Joana Meirelles ministra palestra em curso para a Rede de Proteção de Crianças

10 de fevereiro de 2022

Na modalidade a distância, a capacitação aconteceu no último sábado e a coordenadora da Coij/TJAM fez a palestra de abertura, a partir de Manaus, no Centro de Mídias da Seduc.

A coordenadora da Infância e da Juventude do Tribunal de Justiça do Amazonas, desembargadora Joana dos Santos Meirelles, ministrou no último sábado (05/02), no Centro de Mídias da Secretaria de Estado da Educação e Qualidade de Ensino (Seduc/AM), a palestra de abertura do “Curso de Capacitação EaD para a Rede de Proteção de Crianças e Adolescentes”, direcionada aos Municípios da Calha do Rio Madeira (Humaitá; Manicoré; Novo Aripuanã; Apuí e Borba). A atividade faz parte do projeto organizado de forma conjunta por órgãos e instituições que integram a Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente no Estado e que pretende, até o fim de 2022, alcançar todos os 62 Municípios do interior do Amazonas.


Iniciativa da Comissão de Proteção e Defesa dos Direitos das Crianças, Adolescentes e Jovens da Assembleia Legislativa do Amazonas, o projeto tem a parceria do Tribunal de Justiça do Amazonas, por meio da Coordenadoria da Infância e da Juventude (Coij); do Ministério Público do Amazonas (MPE/AM); da Defensoria Pública do Estado (DPE/AM); da Comissão de Proteção à Criança e ao Adolescente da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Amazonas (OAB/AM); da Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (DEAAI); da Secretaria da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semasc), do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e Adolescente (CEDCA) e da Secretaria de Estado de Educação e Qualidade de Ensino (Seduc).


“A finalidade do evento foi capacitar a Rede de Proteção das crianças e dos adolescentes do Amazonas e visa a dar suporte aos conselheiros tutelares, em especial do interior, que esbarram na grande dificuldade de locomoção até Manaus, onde sempre acontecem as capacitações”, destacou a desembargadora Joana Meirelles que, em sua palestra, abordou o tema “Importância da Harmonia entre Conselho Tutelar, Poder Judiciário e Ministério Público”, ministrada em Manaus, a partir do Centro de Mídias da Seduc, no último sábado.


Após a desembargadora Joana Meirelles, também palestraram no curso de capacitação a coordenadora de Apoio Operacional das Promotorias da Infância e Juventude do Ministério Público do Amazonas, promotora de Justiça Romina Carvalho, que tratou sobre “Desafios para a Intervenção Interdisciplinar e Intersetorial dos Conselhos Tutelares na Garantia dos Direitos”; a titular da Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (DEAAI), delegada Elizabeth Silva de Paula, que falou sobre “Como a Delegacia de Atos Infracionais pode trabalhar em parceria com os conselheiros tutelares” e; a coordenadora de serviços das “Aldeias Infantis S. O. S”, pesquisadora Sílvia Carla Macedo Cardoso Furtado, que explanou o tema “O Papel do Conselho Tutelar no Fortalecimento da Convivência Familiar e Comunitária”.


Capital

Em novembro do ano passado, a Coij/TJAM promoveu um curso de capacitação para conselheiros tutelares da capital. O evento, que aconteceu no auditório da Defensoria Pública do Estado (DPE/AM), teve certificação expedida pela Escola da Magistratura do Amazonas (Esmam) e também foram realizados com o apoio das diversas instituições que integram a Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente.

#PraCegoVer: Na imagem aparece a desembargadora Joana dos Santos Meirelles, atrás de uma bancada de madeira, durante palestra de abertura do curso “Curso de Capacitação EaD para a Rede de Proteção de Crianças e Adolescentes”, proferida no Centro de Mídias da Secretaria de Estado da Educação e Qualidade de Ensino (Seduc/AM).

*Matéria publicada em 07/02/2022 e republicada nesta data em razão de problemas técnicos na página principal deste Portal.

Paulo André Nunes

Foto: Divulgação/Coij/TJAM

DIVISÃO DE DIVULGAÇÃO E IMPRENSA

Telefones | (92) 2129-6771 E-mail: divulgacao@tjam.jus.br

Fonte: https://www.tjam.jus.br/