Escola de Contas promove formação para gestores do TCE-AM que cuidam dos menores aprendizes

21 de julho de 2022

O Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), por meio da Escola de Contas (ECP/TCE-AM) e da Divisão de Assistência Social (Dias), promoveu na manhã desta quarta-feira (20), uma formação de líderes da Corte de Contas amazonense. Contando com representantes de diferentes setores do TCE, o evento teve como intuito apresentar o Programa de Aprendizagem Profissional da Associação para o Desenvolvimento Coesivo da Amazônia (ADCAM), além de gerar conhecimento sobre as ações em prol do desenvolvimento dos jovens aprendizes que atuam no Tribunal.


Ministrado pelo auditor fiscal do trabalho da Superintendência Regional do Trabalho no Amazonas (SRT/AM), Emerson Costa, a formação teve o objetivo de dividir as aptidões dos jovens aprendizes e mostrar para os servidores ações que podem contribuir para a evolução dos jovens na vida profissional e privada.


“Abrir os módulos e conteúdo teórico ensinado aos aprendizes para os seus gestores é importante para que possam compreender suas capacidades e como podem deliberar serviços a eles. Além disso, pretendemos com essa formação apresentar a relevância do acompanhamento desse menor por um gestor participativo que entenda a sua realidade e proporcione uma mudança de perspectiva para esses adolescentes”, afirmou o auditor.


Para o diretor da Assistência Militar do Tribunal, coronel Heriberto Corrêa, assimilar a complexidade e a realidade dos jovens é de grande valia para que trabalhos mais efetivos possam ser direcionados, além de ressaltar a importância de viabilizar um ambiente seguro e saudável para o aprendizado.


“Trazer essa juventude para a Corte é mostrar a eles um mundo de oportunidades, através de orientações e um ambiente confortável para seu avanço pessoal e profissional. Desejo que possamos contribuir de forma positiva e agregar de maneira construtiva para seu crescimento”, comentou o diretor da Assistência Militar do TCE, coronel Heriberto Côrrea.


No curso foi apresentado a matriz curricular do Programa de Aprendizagem, assim como disciplinas e módulos, também contou com dinâmicas e conversas entre o instrutor da formação e os gestores do TCE-AM para identificar dificuldades e potencialidades desses jovens colaboradores.


Fonte: TCE AM