Garantido reúne torcedores na ladainha a Santo Antônio

13 de junho de 2022


Tradicional reza cantada em homenagem a Santo Antônio, um dos padroeiros do bumbá, foi realizada ontem (domingo)

Família de Lindolfo Monteverde mantém a tradição da ladainha na Baixa de São José, em homenagem a Santo Antônio

Parintins - O Curral tradicional da Baixa de São José recebeu torcedores da velha guarda e a nova geração para manter o legado de Lindolfo Monteverde (criador do Garantido) em promover a ladainha (reza cantada), em homenagem a Santo Antônio, um dos padroeiros do bumbá, no domingo (12).


O evento é uma demonstração de fé e devoção ao santo casamenteiro e acontece sempre antes da saída do Garantido pelas ruas do reduto encarnado, na noite de 12 de junho. A programação é comandada pela Família Monteverde.


No palco do curral da Baixa, os torcedores reúnem-se em volta da fogueira para as rezas, com cânticos católicos tradicionais.


A tradição, segundo dona Maria do Carmo Monteverde, filha do criador do Garantido, Lindolfo Monteverde, é mantida por sua família para cumprir a promessa do pai.


“Meu pai reverenciava vários santos, entre eles Santo Antônio. Além de ser uma forma de devoção, o momento de religiosidade faz uma homenagem também à minha mãe, dona Antônia Monteverde. Essa é mais uma herança deixada por ele (Lindolfo) e fazemos questão de manter viva essa tradição”, disse dona Maria.

David Assayag e dona Antônia Monteverde: devoção e momento de religiosidade no curral tradicional do reduto vermelho e branco

Entre os participantes da ladainha, estava o levantador de toadas David Assayag. Ele fez questão de acompanhar todos os momentos de oração e reverência a Santo Antônio. Ao final da reza, Assayag executou toadas antológicas, enquanto dona Maria do Carmo Monteverde tirava versos.


“Me senti lisonjeado porque fazia muito tempo que não participava. Desde pequeno sempre participei e ainda consegui participar com o mestre Lindolfo Monteverde aqui no curralzinho mesmo. Então,