Governo do Amazonas entrega primeiro Plano Municipal de Turismo do estado a Boa Vista do Ramos

7 de junho de 2022

O município de Boa Vista do Ramos (a 271 quilômetros de Manaus) recebeu, nesta segunda-feira (06/06), o Plano Municipal de Desenvolvimento Turístico (PMDT), que estabelece a implementação de roteiros turísticos como a “Rota do Mel”, para o fortalecimento do setor. Elaborado pela Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur), Universidade do Estado do Amazonas (UEA) e Prefeitura de Boa Vista de Ramos, através da Secretaria Municipal de Turismo, o plano tem metas para ordenar o turismo e estimular o fluxo de turistas no local.


De acordo com o presidente da Amazonastur, Gustavo Sampaio, a pasta, em parceria com a UEA, já trabalha no desenvolvimento do plano municipal de três municípios interessados: Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva e Maués. Ele explica, ainda, que para a execução do plano municipal cabe ao nível estadual o registro e sensibilização dos prestadores de serviços turísticos no Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur), do Ministério do Turismo.


“O governo Wilson Lima, por meio da Amazonastur, hoje, participa desse feito histórico. Boa vista do Ramos se articulou, correu atrás e a Amazonastur, juntamente com a UEA, fez isso acontecer, realizou esse grande sonho aqui da comunidade. Em paralelo a isso, estamos trabalhando outros planos em outros municípios e, em breve, lançaremos o Plano Estadual de Turismo. Fica aqui nosso convite, aos gestores de turismo das demais cidades do Amazonas, para elaborarmos esse instrumento tão importante para pensar as estratégias de desenvolvimento do setor, tanto a curto quanto a longo prazos”, explicou.


O prefeito do município, Eraldo Trindade, destacou que, além da “Rota do Mel”, o plano traz a “Rota da Pesca Esportiva” como um potencial roteiro para os turistas realizarem entre as comunidades.


“Esse plano vem exatamente nos dar esse suporte, alavancar a economia na parte turística do município de Boa Vista do Ramos, mas acima de tudo, dar credibilidade para que Boa Vista do Ramos passe nessa rota turística, que nós temos, de uma forma tranquila e legalizada”, disse.


Segundo a coordenadora do curso de Turismo da UEA, Glaubécia Teixeira, o plano foi pensado coletivamente, inclusive com a participação dos alunos concludentes do curso.


“Essa articulação política que está acontecendo em Boa Vista do Ramos é muito importante no sentido de que mais pessoas, mais representações dos segmentos de turismos, mais parceiros estão se comprometendo a executar as estratégias propostas no Plano. Nós estamos muito satisfeitos com os resultados e percebemos esse grande engajamento que há aqui no município. Isso é muito importante porque são ações urgentes, não são fáceis de serem realizadas e precisam desse comprometimento de todos os segmentos envolvidos”, apontou.


Certificados