Governo do Amazonas planeja a execução de R$ 12 milhões de emendas federais na assistência social

5 de janeiro de 2022

O Governo do Amazonas conta com mais de R$12 milhões em recursos federais para executar na área da assistência social nos próximos meses. Conforme a Secretaria de Estado da Assistência Social (Seas), esses investimentos são provenientes de indicações de emendas impositivas de deputados federais e senadores, e editais do Governo Federal, via Ministério da Cidadania.


Segundo o Departamento de Planejamento e Gestão (DEPG) da Seas, o aporte federal tem como objeto os seguintes itens: compra de computadores e veículos para os equipamentos públicos de assistência social (Cras e Creas); reforma de centros de convivência; construção de serviço de acolhimento institucional para crianças e adolescentes; qualificação da execução da política nacional de segurança alimentar e nutricional no estado; e manutenção de serviços prestados por Organizações da Sociedade Civil (OSC’s).


“São mais de R$12 milhões de investimentos que o Governo do Amazonas terá até o final deste ano na assistência social. São recursos federais de emendas que estavam paradas desde 2016 e que, com muito empenho da nossa equipe técnica, conseguimos fazer andar nos ministérios em Brasília com objetivo de melhorar os serviços prestados à população”, explica a secretária da Seas, Alessandra Campêlo.


Modernização – A expectativa é que as primeiras entregas aconteçam ainda no primeiro trimestre. É o caso dos computadores que vão modernizar o atendimento nos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) e Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas), e da reforma do Centro de Convivência da Família André Araújo, no bairro da Raiz, zona sul de Manaus.


Emendas – Os investimentos na assistência social foram indicados pelos deputados federais Marcelo Ramos e José Ricardo Wendling; e pelos senadores Omar Aziz e Plínio Valério.


Fonte: http://www.amazonas.am.gov.br/